Natureza

Saudade da natureza? Passeie por trilhas e cavernas sem sair de casa

8 de abril de 2020

    Sente falta das belezas naturais pelo mundo? Passeie por aí virtualmente Imagem: Unsplash       A internet tem sido uma grande aliada das pessoas nestes tempos de quarentena. Além de manter familiares e amigo conectados, a rede possibilita que seus usuários curtam viagens sem sair de casa.    Hoje, existem diversos sites… Ver artigo

 

 

Sente falta das belezas naturais pelo mundo? Passeie por aí virtualmente
Imagem: Unsplash
 
 
 
A internet tem sido uma grande aliada das pessoas nestes tempos de quarentena. Além de manter familiares e amigo conectados, a rede possibilita que seus usuários curtam viagens sem sair de casa. 
 
Hoje, existem diversos sites que promovem tours virtuais por destinos incríveis de ecoturismo, nos quais os internautas podem, por exemplo, "caminhar" por trilhas no Himalaia, entrar no Grand Canyon e até explorar a maior caverna do mundo.
 
Está com saudade da natureza nesta época de confinamento? A seguir, saiba como passear por atrações naturais do planeta desde o seu computador ou smartphone.
 
 
Caverna Hang Son Doong, Vietnã
 
 
Caverna de Hang Son Doong, a maior do mundo, está no Vietnã 
Imagem: Getty Images 
 
 
 
 
Segundo o Guinness World Records, é a maior caverna do mundo e seu interior chega a ter mais de 200 metros de altura e 150 metros de largura. 
 
Este monumento da natureza pode ser explorado em um tour virtual incrível montado pela National Geographic, que leva o internauta para dentro da caverna e, com vistas de 360º, o coloca de frente para as paisagens surreais que existem no lugar. 
 
Hang Son Doong abriga lagos, um rio e trechos cobertos por vegetação. 
Todo o tour traz explicações sobre os cenários exibidos e ainda reproduz os misteriosos sons que existem na caverna. 
 
 
Himalaia, Nepal
 
 
 
Himalaia, Nepal 
Imagem: Ananya Bilimale/Unsplash 
 
 
 
 
O Google oferece uma experiência de visita virtual quase completa à região que cerca o monte Everest, no Nepal. 
 
Nesta página o internauta pode sentir, com a ajuda de um vídeo, como é o pouso dos aviões no vilarejo de Lukla, onde fica o que muitos consideram o aeroporto mais perigoso do mundo e que é usado como porta de entrada para muitos percursos até o Everest. 
 
Também é possível "andar" por trilhas que existem na área, com vista para vilarejos históricos, vales verdejantes e para as lendárias montanhas nevadas que marcam a paisagem desta parte do planeta. 
Você vai se sentir um destemido mochileiro mesmo sem sair do sofá. 
 
 
Lago Sary-Chelek, Quirguistão
 
 
Lago Sary-Chelek, Quirguistão Imagem: 
Getty Images 
 
 
 
 
Imagens em 360º de altíssima qualidade e feitas de ângulo privilegiado. É isso o que oferece o site AirPano, que exibe cenários incríveis de lugares remotos do mundo – que muita gente não teria a chance de conhecer mesmo que não existisse coronavírus e quarentena. 
 
Lá é possível, por exemplo, "voar" sobre lago Sary-Chelek, no Quirguistão, com sua água cercada por morros verdejantes e montanhas nevadas. 
 
Logo em seguida, ainda no Quirguistão, o site traz imagens (também aéreas) do rio Naryn, outro cartão-postal deste país da Ásia Central. 
 
 
Salar de Uyuni, Bolívia
 
 
Salar de Uyuni, Bolívia 
Imagem: Unsplash 
 
 
 
 
O site 360cities é outra boa opção para curtir vistas de 360º de destinos de natureza do redor do mundo. 
Aqui, por exemplo, vale a pena fazer um passeio visual pelo Salar de Uyuni que, com uma área com mais de 10.000 km², é o maior deserto de sal do mundo. 
 
Na página, os usuários conseguem admirar os detalhes das paisagens extraterrestres do salar, com seu solo salino branco completamente plano, que parece se estender ao infinito. 
 
Preste atenção nas imagens que mostram o salar na época das chuvas, entre dezembro e março, quando as águas formam um espelho sobre o deserto de sal, refletindo perfeitamente as nuvens no chão e dando a impressão de que as pessoas estão caminhando no céu. 
 
 
Grand Canyon, EUA
 
 
Grand Canyon, nos Estados Unidos 
Imagem: Unsplash 
 
 
 
 
O Google também oferece um tour virtual fantástico por uma das paisagens mais famosas dos Estados Unidos. 
 
No passeio, você consegue "navegar" pelo rio Colorado como se estivesse a bordo de uma embarcação. Preste atenção na imponência dos paredões áridos que cercam o curso d'água, capazes de impressionar as pessoas mesmo em um tour virtual. 
 
Além disso, a página traz explicações sobre pontos de interesse que existem no Grand Canyon, como enormes rochas vulcânicas que surgem no percurso do rio Colorado. Uma das mais célebres delas é a Vulcan's Anvil, com mais de 15 metros de altura. 
 
 
Parque Nacional de Gombe, Tanzânia
 
 
Chimpanzés no Parque Nacional de Gombe, Tanzânia 
Imagem: Getty Images 
 
 
 
 
E que tal passear entre animais selvagens na África? 
 
Isso é possível nesta página do Google, que oferece um tour por um dos principais santuários de chimpanzés do planeta. 
 
No passeio, "caminhe" por trilhas no meio da floresta e se depare com chimpanzés carregando seus filhotes e pendurados nas árvores. 
 
Neste espaço virtual, o Google ainda traz informações extremamente interessantes sobre os hábitos destes animais, além de mostrar outros bichos que vivem no parque, como o babuíno-anúbis. 
 
 
Açores, Portugal
 
 
Açores, em Portugal 
Imagem: Unsplash 
 
 
 
 
Parte do arquipélago português dos Açores, a verdejante ilha de São Miguel pode ser vista do alto nesta página do AirPano, que traz imagens aéreas incríveis, em 360º, deste remoto pedaço de terra localizado no oceano Atlântico. 
 
Enquanto "voa" sobre a ilha, o internauta tem a chance de admirar cartões-postais como a Lagoa das Sete Cidades e a belíssima costa de São Miguel. 
 
 
Parque Nacional Uluru-Kata Tjuta, Austrália
 
 
Parque Nacional Uluru-Kata Tjuta, Austrália 
Imagem: Unsplash
 
 
 
 
Localizado no árido interior da Austrália, o Parque Nacional Uluru-Kata Tjuta é um dos principais destinos turísticos deste país da Oceania – e pode ser parcialmente explorado com um tour virtual. 
 
O passeio permite que o internauta se "locomova" por algumas partes do parque, entrando em cavernas, admirando suas gigantescas formações rochosas e ouvindo os sons da natureza que existem no local. 
 
O tour é também acompanhado por um áudio, em inglês, que fala sobre as paisagens da região e sobre a importância desta área australiana para a cultura aborígene. 
 
 
Churchill, Canadá
 
 
Urso polar em Churchill, Canadá 
Imagem: Unsplash 
 
 
 
 
No Google, os internautas conseguem explorar as paisagens nevadas da região canadense de Churchill, considerado um dos melhores locais para avistar ursos-polares no mundo. 
 
A página ainda traz informações sobre a vida dos ursos-polares e sobre como as mudanças climáticas estão afetando o habitat destes animais. 
 
 
As Sete Maravilhas do Mundo Moderno
 
 
Machu Picchu, no Peru 
Imagem: iStock 
 
 
 
 
E já imaginou fazer um tour aéreo, com imagens em 360º, sobre as Sete Maravilhas do Mundo Moderno, onde lindas paisagens da natureza se misturam com obras incríveis criadas pelo homem? 
 
Neste site, você tem a chance de "voar" sobre lugares como Machu Picchu (no Peru), o Cristo Redentor (no Rio de Janeiro), o sítio arqueológico de Petra (Jordânia) e o sítio arqueológico de Chichén Itzá (México). 
 
A experiência do Cristo é particularmente interessante, colocando o internauta sobre a cabeça do monumento e propiciando uma linda vista da capital fluminense.