Cartas

Com a palavra, o leitor

22 de novembro de 2008

Paisagem CulturalPara comemorar a vitória de Barack Obama, só batendo palmas à magnífica entrevista que Carlos Fernando de Moura Delphim deu à Folha do Meio Ambiente sobre Paisagem Cultural (Edição de outubro).  Raramente leio um texto de nossos colegas que eu tenha vontade de ser a autora. Sua entrevista dá até inveja de tão boa,… Ver artigo

Paisagem Cultural
Para comemorar a vitória de Barack Obama, só batendo palmas à magnífica entrevista que Carlos Fernando de Moura Delphim deu à Folha do Meio Ambiente sobre Paisagem Cultural (Edição de outubro).  Raramente leio um texto de nossos colegas que eu tenha vontade de ser a autora. Sua entrevista dá até inveja de tão boa, pela coerência e paixão à natureza expressa de maneira não “sentimentaloide”, mas correta e científica. Na versão inglesa, há uma pequena impropriedade na expressão immaterial patrimony, que deveria ser Intangible Heritage, em linguagem idiomática usual. Mas não me leve a sério nessa tentativa perfeccionista… Por favor, continue mandando estes recados tão bons como o que foi oferecido no manual “Intervenções em Jardins Históricos”.
Suzanna Sampaio 
Museóloga, Conselheira do Iphan e membro do Icomos 
São Paulo – SP
Paisagem Cultural
Verdadeiramente o futuro e a história de um país passam pela paisagem cultural. Belíssima entrevista que vocês fizeram com o arquiteto Carlos Fernando, na edição 193. Teorias, teses, pensamentos e colocações que nunca tinham passado por minha cabeça. Concordo com o arquiteto: enquanto a legislação ambiental protege unidades de conservação, as feições mais significativas da relação do homem com a natureza, uma competência dos órgãos culturais, ficam totalmente desguarnecidas.                                                                                           Saulo M. Rollin
Fortaleza – CE


Gases Tóxicos
Tenho me preocupado com as questões relativas aos gases tóxicos pelos veículos automotores.  Fumaça preta, grossa queimando combustível fóssil, vão poluindo intensamente os grandes centros urbanos. Nós, cidadãos impotentes, vamos respirando este ar e mergulhando na atmosfera doente das megalópoles, ocasionando perda da qualidade de vida e desequilíbrio entre os seres vivos e ecossistemas.
Fala-se tanto na necessidade de gerar empregos, pois uma boa pedida seria a criação de oficinas mecânicas para deixar o veículo em condições de circular sem poluir. Precisamos repensar nossa maneira de viver nas grandes cidades.
Todo o progresso que não leva em conta a adequada proteção ambiental acaba sendo estéril.  Esse equilíbrio entre progredir, construir e produzir riqueza,  ao mesmo tempo proteger  o meio ambiente, é o que se chama desenvolvimento sustentável. A biodiversidade é a nossa possibilidade de futuro, pois proverá novos medicamentos, produtos e alimentos, além de assegurar serviços naturais como a fertilidade do solo e a qualidade do Ar.
Fica aqui meu apelo aos poderes municipais e a todos os cidadãos que não querem ver nossa cidade tornar-se uma cidade biocida.
Elisabeth Karam Guimarães  Porto Alegre – RS bethkaram@globo.com
Amigos da Terra NAT-BR


Paisagens
Belos artigos sobre Parque da Pedra da Boca e sobre Águas Emendadas nas edições 190 e 191. Gostaria de saber como adquirir o livro “Águas Emendadas”, organizado por Fernando Oliveira Fonseca. Meu abraço a todos os articulistas.
S. Silva Barreto
São Paulo – SP
NR: O livro “Águas Emendadas”  foi produzido pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente do Distrito Federal. Endereço: Seduma – SCS Quadra 06 – Lote 13 – Cep: 70300-968 – Brasília – DF.
 
Tráfico de animais
Sou aluna de ciências biológicas. Estou fazendo um trabalho sobre tráfico de animais e preciso responder a algumas questões como: 1- Qual é a punição dada aos proprietários ilegais de animais silvestres? 2- Quais são as técnicas abordadas em um resgate de animais silvestres? 3 – Qual região ocorre o mais numero de denúncias e / ou flagrante de tráfico de animais?
Isabela
isa.belinha231@hotmil.com
NR: A FMA tem feito muitas matérias sobre este tema. Caso você não tenha as edições impressas com as reportagens sobre tráfico de animais, por favor entre em contato com nossa redação (61) 33223033 para conseguir os jornais. Nas edições “online” também se pode conseguir as matérias. Para ter acesso ao conteúdo, precisa ser assinante do jornal. O site é:n www.folhadomeio.com.br



Caça amadora
Tenho acompanhado várias matérias que vocês têm feito sobre a grave questão da caça amadora. O único estado que tem a atividade regulamentada é o RS, mas a caça está proibida desde 2005. Agora vi que o STF está julgando uma ação sobre a legalidade da caça amadora no Brasil. Neste sentido, o STF solicitou ao Ibama um parecer. Atualmente, os únicos tipos de caça permitidos são a de controle e a científica, mas somente podem ser realizadas após estudos sobre sua necessidade e com o dimensionamento dos respectivos impactos para as espécies.
A discussão tem dois lados: primeiro, os defensores da caça amadora que alegam que as áreas utilizadas para a atividade são uma alternativa de uso sustentado à expansão agrícola e que o dinheiro arrecadado pelas associações são utilizados em planos de manejo.
De outro, aqueles que são contrários à caça, pois é uma prática cruel, de sofrimento e ainda provoca poluição ambiental, pois há emissão irregular de chumbo na biosfera. Mas queria destacar a enquête que o próprio Ibama fez e que o STF precisa saber. A pergunta: Você é contra ou a favor à caça amadora ?
Resultado:
Contra – 70%, 12.949 Votos
A favor –  29%, 5.433 Votos
Sem opinião –  1%, 151 Votos


Reciclagem
Estou buscando informações sobre a reciclagem de restos de madeira e de outros resíduos vegetais, por brickets ou pellets.
Gostaria de saber se por acaso algum leitor ou alguma Ong pode me auxiliar ou indicar aonde possa buscar mais dados técnicos, financeiros e de viabilidade para iniciar este projeto.
Jackson
 jackbar2010@gmail.com


Águas Residuárias
Sou aluno do Curso de Gestão Ambiental pela Universidade Federal de Viçosa. Estou desenvolvendo um trabalho sobre  Tratamento Terciário de Águas Residuárias.
Preciso me corresponder com entidades ou técnicos que tenham dicas ou algum material relacionado ao tema e possam me repassar.
Fernando Batista
fernandobcarmo@yahoo.com.br


 Trabalho Acadêmico
Sou estudante de Comunicação Social – Jornalismo na Facitec. Estou fazendo meu trabalho de conclusão de curso e minha pesquisa envolve a Folha do Meio Ambiente.
Gostaria de saber em quais bancas do DF o jornal é distribuído, quantos exemplares são vendidos (aproximadamente) e quantas assinaturas vocês têm. Também peço permissão para colocar em meu trabalho partes do texto “Nossa História”, pois faço uma breve descrição de como surgiu o jornal.
Thiara Andrade  thiarasa@gmail.com