Editorial

Caro Leitor

24 de abril de 2008

Questões de Abril O mês de abril é pródigo em datas importantes. Comemoramos o Dia do Índio, do Descobrimento do Brasil, da inauguração de Brasília e também do Mártir da Independência, Tiradentes. Um fato importante foi registrado bem no período das comemorações e protestos pelo Dia do Índio. Foi a suspensão da demarcação da área… Ver artigo

Questões de Abril


O mês de abril é pródigo em datas importantes. Comemoramos o Dia do Índio, do Descobrimento do Brasil, da inauguração de Brasília e também do Mártir da Independência, Tiradentes. Um fato importante foi registrado bem no período das comemorações e protestos pelo Dia do Índio. Foi a suspensão da demarcação da área contínua da Terra Indígena Raposa Serra do Sol, em Roraima, fronteira com a Venezuela.
 O governo federal determinou a demarcação, o governo estadual resistiu, os agricultores de Roraima também e, por último, o Exército disse que era um absurdo demarcar áreas indígenas de forma contínua em região de fronteiras. O ex-presidente da República José Sarney, também disse que é contra.
 Nenhuma outra proposta foi apresentada como alternativa. É de se perguntar o que faz o ministro Mangabeira Unger, da pasta das Ações de Longo Prazo, que ainda não apresentou ao governo e à sociedade um estudo de cenário para o impasse criado.  As questões Indígenas estão a partir da página 7.


 Outros dois assuntos polêmicos e que necessitam de uma análise de cenário a médio e longo prazos é sobre o desmatamento da Amazônia, páginas 12 e 13, e a questão saneamento, páginas 18, 19, 20 e 21. Os dois artigos colocam os pontos críticos da questão. No caso da água, enquanto a Europa registra um desperdício de água tratada de cerca de 10%, no Brasil chega a 40%. Enquanto isto, entra em vigor resolução do Conama sobre águas subterrâneas. Página 28.


 Sobre a Amazônia, mais uma voz se soma àquelas que defendem a sustentabilidade da região. É o cantor Beto Barbosa, do Pará, que alcançou fama internacional com o ritmo da lambada e conseguiu um sucesso mundial com Adocica. Beto Barbosa é um ferrenho defensor da floresta e, sempre que puder, vai enviar sua colaboração para a Folha do Meio. É mais uma voz nesta luta pela preservação e pelo uso sustentado das riquezas naturais!
 Meio ambiente e saúde foi tema de debate com a imprensa promovido pela Organização Pan-americana de Saúde, OPAS, no dia 26 de março, em Brasília. O foco da discussão foi sobre o papel dos meios de comunicação na cobertura do surto de febre amarela. A Folha do Meio Ambiente estava lá.
A edição 185 de fevereiro, com ampla reportagem sobre a origem da febre amarela no Brasil e sua relação direta com o meio ambiente, foi distribuída aos participantes. Para os organizadores do evento, matérias como esta, contribuem para orientar a sociedade sobre as formas de prevenção da doença. A edição 185 está disponível no site do jornal (www.folhdomeio.com.br) e também pode ser adquirida na nossa redação. Boa leitura!


 


———————————————————————————————–


 


PREZADOS ASSINANTES: ao agradecer o apoio e a força que recebemos de todos os nossos
assinantes, a equipe que faz a Folha do Meio Ambiente  gostaria de pedir sua compreensão e atenção para ao pagar sua assinatura, por favor, não deixe de enviar por fax (61-3226-4438) ou por email
(assinatura@folhadomeio.com.br) a devida identificação com endereço completo do responsável pelo depósito. Temos alguns depósitos bancários feitos sem a devida identificação, o que nos impossibilita de enviar o jornal. Pedimos, urgentemente, que esses assinantes nos enviem os dados de identificação. Obrigado!