Orquídeas

Cyrtopodium – Espécies Brasileiras

4 de março de 2004

Acaba de sair da Gráfica Charbel, sob os cuidados e extremo zelo do editor Fausto Salim, um novo e espetacular livro sobre orquídeas brasileiras, de autoria da engenheira florestal Lou Menezes. Autora de outras publicações (Cattleya Labiata, Cattleya Warneri e Laelia Purpurata) Lou Menezes deixa mais vez sua marca registrada ao produzir "Cyrtopodium – Espécies… Ver artigo

Acaba de sair da Gráfica Charbel, sob os cuidados e extremo zelo do editor Fausto Salim, um novo e espetacular livro sobre orquídeas brasileiras, de autoria da engenheira florestal Lou Menezes. Autora de outras publicações (Cattleya Labiata, Cattleya Warneri e Laelia Purpurata) Lou Menezes deixa mais vez sua marca registrada ao produzir "Cyrtopodium – Espécies Brasileiras", conciliando ciência botânica com arte fotográfica. O livro é o resultado de muitos anos de pesquisa sobre um gênero de orquídeas pouco conhecido, Cyrtopodium. Escrito numa linguagem simples e acessível tanto aos leigos quanto aos estudiosos, "Cyrtopodium – Espécies Brasileiras" é uma viagem de rara beleza. O leitor é transportado a longínquos e diferentes habitats no Brasil, através de magníficas paisagens e fotos. Os textos, além do estudo meramente científico visando a correta identificação das espécies e de sua nomenclatura botânica, abordam a ecologia das espécies, a depredação ambiental, o comércio ilegal e o uso medicinal, alimentício e industrial das plantas.

O livro é em dois idiomas – português e inglês – com cerca de 200 fotografias. A introdução é do ministro do Meio Ambiente, deputado José Sarney Filho, e a apresentação é da presidente do IBAMA, Marília Cerqueira Marreco. Um dado importante: a orelha da capa do livro foi feita pelo sacerdote e botânico – honorário, padre José González Raposo, CMF, que pede para a nova geração de orquidófilos e orquidólogos imitar Lou Menezes, cujos trabalhos têm enriquecido orquidários e herbários "para a maior Glória de Deus". Padre José González Raposo diz, ainda, que a orquidologia, tão fraca num país tão rico em orquidáceas, pode contar agora com uma obra inédita. Infelizmente, padre José González faleceu há dois meses e não viu o livro pronto, por isso a autora fez questão de dedicar "Cyrtopodium – Espécies Brasileiras" a ele. 

Apesar de já estar disponível, o lançamento oficial desta obra ainda não foi marcado. 

Mais Informações: Lou Menezes
IBAMA/Brasília fax: (61) 322-5168
Fone (61) 223-6450 
E-mail: lmenezes@sede.ibama.gov.br